Evite “pesadelos” ao viajar com as crianças

Viajar com crianças sempre exige uma atenção especial por parte do pai. Trajetos longos de carro ou avião em geral, causam desconforto, tédio e até irritação nos pequenos. Veja aqui dicas que podem ajudar a garantir uma viagem tranquila com seus filhos.

1 - Espera e espera...

Não há outro jeito. É preciso suportar a espera. Se adultos falastrões colocam o papo em dia e querem ignorar as necessidades das crianças, a solução é fazer com que elas brinquem. Jogos visuais simples podem distrair as crianças menores; para as maiores, compre um jogo de cartas ou uma série de diferentes jogos que todo mundo já conhece. Outras distrações podem incluir brincar de estátua, descobrir quem aguenta mais tempo sem piscar ou quem consegue manter uma careta por mais tempo. Para crianças ainda mais velhas, um dispositivo eletrônico pode ser um método de isolamento.

2 - Ai que calor!

Como enfrentar: Um miniventilador portátil pode ser uma boa solução. Alguns deles até oferecem lâmpadas ou podem ser abastecidos com água para criar mais refrigeração.

3 - Que chato esse lugar!

Como enfrentar: Digamos, por exemplo, que você esteja obrigada a visitar uma série de moinhos em uma viagem de bicicleta por diversos Estados que um dia serviram de cenário à guerra civil. As crianças se entediam rápido com isso. Uma solução pode ser levar jogos eletrônicos portáteis, fáceis de serem carregados no bolso do agasalho. Outra idéia é permitir que cada criança tenha sua própria câmera fotográfica, mesmo que seja uma descartável.

4 - Estou morrendo de fome!

Como enfrentar: A invenção genial que viria a seguir na lista de Leonardo da Vinci deve ter sido a instalação de uma máquina de venda de salgadinho na entrada da Capela Sistina. Leve salgadinhos, portanto. Maçãs, batatas chips e outros salgadinhos, bolinhos de frutas e porções de cenouras miniatura são boas alternativas para viagem. Quando as crianças são pequenas, peça a comida delas primeiro, ou uma entrada que chegue rápido, assim que se acomodar no restaurante. (Em caso de emergência não hesite em servir salgadinhos a ela no restaurante mesmo.) Os horários de refeições sempre terminam prejudicados nas viagens.

5 - Tô com saudade

Como enfrentar: Se as crianças deixaram um animal de estimação ou algum membro da família em casa, fotos podem ajudar. Cartões telefônicos, para as crianças um pouco mais velhas, permitem que elas liguem a qualquer hora para a pessoa de quem têm saudades.

6 - Quero descer desse avião

Como enfrentar: Distração pode ser a melhor saída para esquecer o medo e evitar o tédio dentro do avião. Providenciar bagagem de mão separada para cada criança contendo pequenos brinquedos, salgadinhos, livros, papel, e lápis de cera - vale comprar alguma coisa especial só para a viagem. A alegria de descobrir as surpresas ajuda a passar o tempo e as crianças se distraem por um longo percurso. Um baralho e um livro também são bons para aumentar a variedade e evitar brigas.

7 - Não consigo dormir

Como enfrentar: Relaxar antes de dormir pode ser complicado. Caso o hotel disponha de uma piscina, nadar um pouco pode ajudar. Um banho quente também. Unir a família em um dos quartos para assistir a um filme sossegado ou conversar sobre o dia também funciona. As crianças mais novas gostam que os pais leiam para elas e as mais velhas podem ser encorajadas a ler por conta própria (ou talvez ainda queiram ouvir histórias).

No Comments Yet.

Leave a comment

You must be Logged in to post a comment.